wal mart viagra price

Sou Emanuella Maria (Manu), uma romântica inconsolável que adora coisas vintage e viajar. Há 7 anos moro na capital americana, Washington DC e neste espaço divido um pouco da vida no estrangeiro e o que me inspira no dia-a-dia. Falo das coisas que faço, do que gosto e o que me faz feliz.

Buscar no blog















08.12.2011

Minha irma veio me visitar pela primeira vez e fomos passar um final de semana prolongado em Nova York. Para aproveitar melhor a cidade, criei um roteiro de três dias com os pontos principais que ela deveria conhecer e resolvi dividir o nosso roteiro com vocês.

Quando você viaja pra uma metrópole enorme como NYC, o ideal é fazer um planejamento, pois tem muita coisa pra ver e há uma infinidade de roteiros. Na minha opinião, a melhor forma de conhecer Nova York é a pé, portanto não deixe de usar sapatos confortáveis, mas lembre-se que a vasta rede de metrô da cidade é a maneira mais prática de chegar aos lugares mais distantes. Para economizar no transporte, compre o bilhete semanal que dá direito ao uso ilimitado do metrô e ônibus por sete dias (US$29). Pois uma unica viagem, custa $2,50.

Dia 1

Comece o dia com um café da manha reforçado, que tal provar o típico “bagel com cream cheese” e um café na famosa Starbucks? Depois visite a Estátua da Liberdade e Ellis Island. Reserve pelo menos duas horas de passeio. Existe duas formas de ir pra estatua, o passeio free (que passa num ferry em frente a ilha) ou o passeio pago que custa $13 por pessoa e o barco vai com você ate a ilha da estatua e na volta para na Ellis Island que tem o museu do imigrante.  Acho que vale a pena pagar um pouquinho e ir ate la conhecer a estatua.

Na volta caminhe pela Wall Street, tire fotos no Charging Bull e, continue caminhando sentido norte e explorando pontos como a Trinity Church e os prédios da Bolsa de Valores.  Vá andando ate o Ground Zero, local onde ficavam as Torres Gêmeas. Visite o novo memorial do World Trade Center, depois passe pela loja Century  21, que tem ótimos preços nos produtos de marcas.

Não perca muito tempo na Century 21, ou então reserve uma tarde pra compras, pois o roteiro de tres dias eh meio apertado. Vá caminhando em direção a Brooklyn Bridge, e se tiver disposição atravesse a ponte.  Na volta venha caminhando em direção ao bairro Chinetown  e Little Italy. Mas não esqueça de tirar fotos em frente ao City Hall.

No Chinetown, que é um bairro famoso por suas pechinchas, você vai ver muito camelô vendendo muamba e produtos falsificados, mas vale a pena investir numa pashimina por $5 (eles tem todas as cores) e depois ir comer em algum restaurante típico italiano na little Italy.

Dia 2

Depois de tanta andança no dia anterior, vá pro bairro Chelsea e atravesse o highline (o novo point da cidade). O high line é uma linha do subway que foi desativada e virou um jardim suspenso. É muito lindo e tem  uma paisagem incrivel com os novos prédios de arquitetura futurística ao redor.  Depois se delicie com um brunch novaiorquino, fuja dos fast foods e caminhe até o agradável Chelsea Market para se deliciar com as comidinhas que o mercado tem a oferecer

Depois de recarregar as suas forcas e com uma manha light, vá para a famosíssima Times Square (entre a 6ª e a 7ª avenidas e intersecção com a Broadway), conhecendo e caminhando sentido Uptown (Norte).  Passe na muvuca que fica entre as ruas 42 e 47, tire muitas fotos e dali, estará a uma quadra da também essencial Quinta avenida. Para chegar aos quarteirões mais famosos, rume para o norte. Na altura da rua 49, vai encontrar um ícone, a loja Saks Fifth Avenue (saksfifthavenue.com), e, no quarteirão seguinte, a catedral St. Patrick. Coma uma pizza na famosa e tradicional pizzaria Famiglia que tem por todos os lados na cidade, e reserve o final da tarde para visitar o MoMA – Museum of Modern Art (rua 53 com 5ª av.; das 10h30 às 17h30; sáb. até as 20h; fecha às ter.; US$ 20).

Continue andando e vá conhecer alguns pontos interessantes, como o Rockefeller Center (no natal eles colocam o famoso ring de patinação e a arvore de natal que ficou famosa com o filme esqueceram de mim. Lembram?), passe pelo Trump Tower  e muitas lojas famosas.

Vá andando em direção ao central park e visite a famosa a loja de brinquedos F.A.O. Schwarz (5ª av. com rua 58; fao.com) e tire uma foto no piano gigante que ficou mais conhecida pelo filme Quero Ser Grande. Visite a nova loja da Apple que é um cubo de vidro super futurístico e termine o dia caminhando pelo Central Park.

Dia 3

No seu último dia, visite o um dos grandes ícones da cidade: a estação de trem Grand Central (metrô: 42nd St / Grand Central). Cenário de vários filmes hollywoodianos, o terminal ainda abriga exposições de arte no Vanderbilt Hall e um mercado com comidinhas gostosas. Aproveite e caminhe até o Bryant Park, palco dos desfiles da concorrida semana de moda de Nova York e um dos lugares mais agradáveis da cidade. Não deixe de tirar fotos em frent a Public Library.

O que ver na Central Station

  • A fachada de colunas e as estátuas de Hércules, Minerva e Mercúrio ao redor de um belo relógio.
  • O Salão Principal (Main Concourse) com suas três grandes janelas de 23 metros de altura.
  • O teto do Salão Principal com a pintura do céu e suas constelações que, curiosamente, foram reproduzidas invertidas e as belíssimas escadarias.

de tarde não deixe de ir ao Soho, que é bairro super hype de NYC.  Perca-se pelos pequenos cafés e lojas alternativas. Não deixe de visitar o Magnolia Bakery, cujo os cupcakes ficaram famosos por causa da série “Sex and The City”.

No final da tarde tome o metrô até a Rua 34 para visitar o Empire State Building. O ideal seria você chegar no edifício uma hora antes do por do sol, para ter tempo de chegar no observatório antes de escurecer, para ver o acender das luzes. Em cinco anos morando nos Estados Unidos, eu nunca tinha subido no Empire State, porque achava caro $21. Mas dessa vez com minha irma eu resolvi investir o dinheiro e posso confirmar que a vista é incrível. Acho que vale muiiiiiiiito a pena!! Super recomendo.  A famosa loja de departamento Macy’s,  fica bem próxima ao Empire State.

Para finalizar, um jantar bacana e confira um show. Não perca a oportunidade de assistir um espetáculo da Broadway. Compre os ingressos antecipadamente no site de desconto broadwaybox.com ou procure ingressos com descontos nos guichês tkts que vendem entradas para o mesmo dia.


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

17 Comentários

Categorias: viagens | Tags: , ,



 
Veja também:








 

01.12.2011

Olá gente!!!!

Esses dias estão super corridos, como comentei anteriormente, minha irmã está de férias aqui nos Estados Unidos e estou tentando ser a melhor guia turistica possivel. Passamos o final de semana  nas Montanhas em Vermont, ela viu neve pela primeira vez (foi super emocionante), curtimos o friozinho no campo com uma paisagem linda.

Eu sei que estou devendo as fotos e posts no blog, mas ja ja me organizo e tudo volta ao normal. Nesse momento estamos indo pra minha cidade preferida: Nova York e ela esta dando cambalhotas de alegria. hahahaha Enquanto isso vou deixar voces com esse video lindo de NYC!!!

Beijos e até NY!

Manu


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

3 Comentários

Categorias: viagens | Tags: ,



 
Veja também:








 

01.06.2009

3394346432_e075f47443Passei o final de semana em Nova York e já fui incontáveis vezes por lá. DC fica aí de lado, bem pertim, até o preço do ônbus colabora, $35, por isso sempre que eu posso, vou.  Já fui sozinha, acompanhada, para reencontrar amigos, ou só para uma festinha de aniversário no sábado a tarde,  fui passar o dia, acompanhar o Brazilian Day, ver a parada GLS, fazer turismo, compras… Vixe, não faltam razões para visitar a Big Apple. Dessa vez fui encontrar um amigo brasileiro que estava fazendo turismo e ajudá-lo a desvendar a cidade. Nessas 48 horas que estive por lá , eu tive tempo de rever outros bons amigos, curtir a “night”, fazer turismo e claro, umas comprinhas básicas.

Dentro do ônibus  na ida conversei com duas senhoras que estavam indo comprar produtos para revender em DC. “NY está de liquidação e tudo é muito barato. A cidade é um shopping center aberto”. Me falou uma delas. Já num club sabado a noite, um rapaz de New Jersey me disse: “Eu venho para cá dançar todo final de semana. Amo os clubs daqui, são as melhores festas.”

Engraçado como cada pessoa tem uma opinião diferente sobre a cidade, cada pessoa tem um jeito diferente de observar o mesmo lugar.  Na fila do restaurante tinha um casal de brasileiros  de férias e um deles soltou: “ Odiei essa cidade. Muita suja, barulhenta, desorganizada. A cidade inteira fede e tem rato por todo lado.”  Ja os amigos que fui visitar estão mudando de cidade porquê não aguentam mais “o stress louco” de NY. Longe de mim decretar que o melhor de Nova York é isso ou aquilo. Claro que eu tenho meus cantinhos preferidos, lugares manjados e desconhecidos onde eu acho que a beleza da cidade está condensada.  Cada morador, nativo ou não, tem os seus. Nova York é grande e plural demais para ser uma só; ela é uma cidade diferente aos olhos de cada um. E cada um tem suas razões para amá-la ou odiá-la.

Eu particulamente adoro a cidade, as paisagens, as diversas opções, a noite, as pessoas nas ruas. Não moro em NY por opção, mas me sinto um pouco de lá, algumas partes da cidade ja se tornaram normais e peculiar. A rotina nos absorvem e nos tiram a atenção dos cenários, todavia quando estou na companhia de pessoas que estão conhecendo a cidade pela primeira vez, tenho a oportunidade de ver a Nova York com os olhos de turista de novo, e é como se eu redescobrisse essa cidade toda vez que eu fosse lá. Mas Nova  York tem uma grandiosidade de que não dou conta, nem se eu fosse um milhão de vezes lá. 

131762147_fb4d8c3c3e1584972004_4ad11a8e83_o12591226758_8b4bc6aff6_o1




Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

2 Comentários

Categorias: viagens | Tags:



 
Veja também: