wal mart viagra price

Sou Emanuella Maria (Manu), uma romântica inconsolável que adora coisas vintage e viajar. Há 7 anos moro na capital americana, Washington DC e neste espaço divido um pouco da vida no estrangeiro e o que me inspira no dia-a-dia. Falo das coisas que faço, do que gosto e o que me faz feliz.

Buscar no blog















30.07.2012

Caro leitor,

Tenho estado muito ausente das palavras, não elas de mim. Apesar de ter materializado poucos textos, minha cabeça não pára de tecer metáforas e escrever missivas, descrever paisagens, sonhar acordada. Tenho recebido vários emails, comentários, mensagens via twitter, sinal de fumaça, de leitores pedindo pro blog voltar. Desculpe todo transtorno e a falta de posts aqui no blog… mas estou em obras.

As palavras vão aparecer devagarinho, e os posts vão surgir aos poucos, lembrem-se que temos uma relação de amizade e por isso não deve haver pressa. Venho refletindo muito sobre a felicidade e percebi que tenho sentido a felicidade da forma como eu nunca havia idealizado. Percebo que após tantas perdas, havia me tornado pouco exigente com algumas coisas. E a vida, sábia, não querendo que a minha fé diminuísse me deu coisas tão maiores e melhores do que eu esperava. Nesses últimos meses tiveram tantas mudanças na minha vida, novos recomeços, pessoas saindo, pessoas entrando, o inicio de novos hobbies, o corte de velhos hábitos, lindas viagens…

E eu descobri algo muito difícil de compreender: a felicidade não tira o medo nem a melancolia de ninguém. O medo é uma necessidade de autopreservação e a melancolia pode ser a coisa que mais desenhe poesia num olhar. Descobri que a felicidade é um estado de espírito e isso é uma responsabilidade grande demais minha gente. Pois a felicidade não nos tira os pesadelos nem planta um sorriso eterno no nosso rosto. Ela vem na superação de um desafio, em forma de alívio. Ela respeita nosso livre arbítrio e nossa vontade de me sentir infeliz apesar de. Ela está à disposição de qualquer um que queira vibrar neste estado. A gente é que se afasta dela. Se a gente se apega ao sofrimento, às sobras, às incompletudes e às reclamações, como é possível simplesmente estar feliz e agradecer?

Um dos posts mais procurados e comentados aqui do blog é 50 coisas para fazer quando você esta triste, e percebi com os comentários que ser feliz dá muito trabalho porque você tem que se desvencilhar da tristeza.

Bem o blog vai voltar, esta voltando, mas não esqueçam que essa viagem pra dentro , talvez seja a mais longa, porque eu precisava entender que nada me faltava, eu sempre tive o suficiente de acordo com as minhas escolhas. A felicidade talvez seja só uma escolha…  Pensem nisso!!


Gostou? Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

15 Comentários














15 Comentários em “Sobre a felicidade”

Cintia
30/07/2012 ás 11:47

Ahhh que maravilha de post :) uma explicação para o que tenho sentido nesses últimos meses! <3

[Reply]


Loma
30/07/2012 ás 13:43

Como sempre, seus textos me servindo como uma luva. Parece até que você os escreve pra mim. Estou numa fase de me conhecer, de buscar o que me faz bem. De questionar e conhecer. Mas também estou num momento cheio de medo e questionamentos sobre a felicidade. Esse post não poderia ter vindo em momento melhor. Obrigada! ;) Que você aproveite essa viagem pra dentro e faça grandes descobertas <3

[Reply]


piso
30/07/2012 ás 17:33

Sim, o texto está muito bom, parabéns!

[Reply]


Thayná Almeida
30/07/2012 ás 18:09

Amei! Os seus posts sempre chegam na hora certa! Certo dia li que o problema é que a gente quer buscar a felicidade mas esquecemos de nos livrar do sofrimento. E tudo é uma questão da mente, ela dificulda a mudança porque gosta do comodismo

[Reply]


Thayná Almeida
30/07/2012 ás 18:10

seus posts sempre ajudam muitooo manu, obrigada!

[Reply]


Sérgio
30/07/2012 ás 21:12

Já estava com saudades de um postou assim, não aguentava mais ver essa banda assim que abria o blog haha, mas o que você disse é pura verdade…e que bom que você está feliz.
P.s: já pensou em escrever um livro? Por favor diga que sim

[Reply]


Lucia
31/07/2012 ás 15:56

Que post lindo!
Serviu-me como uma luva, pois estou vivendo um momento de reflexão e questionamentos. E perguntando a todo momento: sempre será que existi uma vida ou um caminho diferente daquele que trilho hoje?
Abraços e sucesso.
Lúcia

[Reply]


Mônica
02/08/2012 ás 15:05

Manu,
é perfeitamente compreensível. Todo mundo precisa de um tempo, e cada um, tem o seu. Mesmo que vc não tenha coisas pra postar aqui, ou palavras pra dizer, o importante é que vc fale com vc, viaje dentro de suas emoções, percepções. As coisas estão se movendo ao seu redor, isso é o que importa.
Essa coisa de felicidade, eu te falo pela minha experiencia. Eu tbm sempre busquei, li livros de auto ajuda, pra ser uma pessoa melhor e tentar descobrir onde fica essa “chama” de felicidade. Essa raíz vem de algum lugar. E eu descobri essa felicidade plena em Deus. Foi como que um encontro que eu tive com ELE. Eu aprendi através das promessas que Ele deixou escrito na Bíblia, atráves dos seu profetas, sementes, lições para a vida toda. E aquilo brotou dentro de mim qdo eu passei a crer, que Deus era a fonte da felicidade. E que através dele, eu me sentia feliz e as coisas aconteciam de forma maravilhosa. É tipo assim, eu me conecto a tal ponto, que ELE vem e coloca dentro de mim uma dose de alegria e ela fica ali, ela me alimenta a cada dia. E qdo eu fico meio triste, eu vou lá na fonte denovo, e me reabasteço, relembro o que ELE deixou de lição de vida, das suas palavras. Temos que perseverar nos seus ensinamentos. A gte é que esquece. e aí eu falo, Deus tú conhece meu coração como ninguém, sonda-o e ve se tem alguma coisa errada, algum sentimento que me atrapalha, algum caminho que não é agradável aos teus olhos e limpa da minha vida, me direciona, me segura pela mão, eu não sei agora aonde seguir, mas Tú Senhor, conhece tudo e sabes o que preciso. Faça a Tua vontade na minha vida.
Qdo nós temos essa entrega, nos damos a liberdade de Deus agir em nosso favor, a gte abre mão daquilo que a gte quer e deixa Deus trabalhar, pq sabe que qdo ELE faz, é o melhor. Sem reservas a gente se entrega. Então Manu não te estribes no teu próprio entendimento, deixa Deus esquadrinhar o teu coração e dirigir os teus passos. Sinta Deus mais de perto. É uma fonte inesgotável de felicidade. Independente de qqer coisa que venha acontecer de bom ou ruim em sua vida. Qdo nós bebemos dessa fonte, ela nos sustenta de uma forma linda e que não se compara a mais nada nesse mundo. E até as nossas escolhas são diferentes e melhores. Eu falo pela minha experiencia.
Se puder ouça essa música, a letra é linda:
http://www.youtube.com/watch?v=FeFhlGO6lJI

U m beijo no coração e eu quero te dizer que sinto saudades dos seus post, mas entendo perfeitamente esse momento. Conte comigo !!!!
Fica com Deus amiga.

[Reply]


Jo Moura
04/08/2012 ás 11:36

Manu, eu fico imaginado o dia em que eu for a uma livraria para comprar um livro de sua autoria! Sinceramente, as suas palavras me cativam de tal forma, que nem sei qual é o melhor adjetivo para classificá-las, de verdade, voçê possui um dom incrível com elas!

Querida, tenho poucas palavras para falar sobre esse post, talvez a que melhor se encaixe seria: Tome o tempo de que for preciso, pois a felicidade individual vem de dentro de cada um de nós, e não adianta a gente querer que ela apareça de repente, então Manu linda, faça aquilo que de melhor se molde ao seu sentimento neste momento.

Voçê e suas palavras lindas fazem parte de seu blog, é o que eu percebo. Seja forte e lute sempre para o seu bem maior.

Beijo grande querida, fique bem.

[Reply]


Adriel Christian
11/08/2012 ás 22:13

Não tem jeito, Manu, mesmo quando tu pensa que não está ajudando alguém com essas palavras tu continua ajudando. No email que finalmente criei coragem e vou te mandar daqui a pouco eu te conto um pouco da minha tristeza e essa falta de felicidade na minha vida, mas sabe de uma coisa? Eu acho que pra ser feliz a gente tem que fazer sempre as escolhas certas e andar no caminho certo, porque um dia a recompensa pelos nossos bons atos virá.

Mudanças sempre devem ser bem-vindas, Manu! Espero que tu esteja fazendo o possível e impossível pra continuar sorrindo mesmo quando tua vontade é chorar, viu?!

Bjs!

[Reply]


Mari
12/08/2012 ás 13:07

Você já pensou em escrever um livro de auto-ajuda? Suas palavras me tocam profundamente, eu iria ser a primeira a comprar um livro seu! Pensa nisso com carinho, hehe

[Reply]


Ana Laura Franzolin
14/08/2012 ás 14:14

é sempre bom quando encontramos um site com bom conteúdo! adorei esse lugar! parabéns!

[Reply]


Michelle
24/08/2012 ás 10:00

Post lindo e sincero.

[Reply]


Luane
25/08/2012 ás 20:08

Acabei de descobrir seu blog e me identifiquei muito com essa sua vontade de ter uma vida mais light e feliz! Como você é sortuda em ser uma cidadão do mundo, hein?

Quanto ao texto, o que posso dizer? Qualquer comentário parecerá superficial e “pré-formatado”. Vamos dizer que faço das suas palavras as minhas, simples assim…

“Apenas uma coisa é necessária para que vejamos a felicidade em nossas vidas: onde focamos a nossa atenção.” “Ser feliz não significa que tudo está perfeito. Significa que você decidiu olhar além das imperfeições”.

Você ganhou uma leitora fiel :D

Beijos

[Reply]


Lucia
15/07/2013 ás 16:28

Adoro todos os posts e sua forma de ver as coisas. Desde que começei a ler este blog me sinto mais feliz e disposta a mudar. Estava andando bem triste, normalme quase por nada. E todas as vezes que me sinto triste acabo pensando em problemas, o que acaba piorando. Acho que isso que vc falou de se desvecilhar das coisas tristes e motivos pra estar assim, ignorar isso tudo e ver que tirando isso esta “tudo bem” acho que é a parte mais difícil pra mim. O chato é que não encontro muitas coisas que me motivem. Não tenho amigos “off” e meus amigos virtuais ñ são tão intimos. No meu caso o que me afeta mais é o fato de sentir tudo isso sozinha, de pensar que na solidão, e não poder ouvir uma palavra de consolo. É uma coisa muito ruim. Por mais que eu queira é muito dificil me aproximar das pessoas. Mas ultimamente eu tenho andado muito bem, desde então ñ tenho ficado triste. Ler seu blog é um dos motivos pra me fazer feliz, é uma das coizas que me faz pensar e me motiva. Continue assim, e de qualquer forma obg!:D

[Reply]