wal mart viagra price

Sou Emanuella Maria (Manu), uma romântica inconsolável que adora coisas vintage e viajar. Há 7 anos moro na capital americana, Washington DC e neste espaço divido um pouco da vida no estrangeiro e o que me inspira no dia-a-dia. Falo das coisas que faço, do que gosto e o que me faz feliz.

Buscar no blog











26.02.2011

Na hora do almoço, no refeitório de uma grande empresa nos Estados Unidos, conversava um grupo de pessoas, entre eles dois alemães, uma menina de Portugal, um rapaz da Costa Rica, um Americano, um rapaz de Bangladeshi, uma menina do Paraguai e uma pessoa do  Brasil.  Bem, essa cena multicultural para muitos pode ser uma surpresa, porém aqui em Washington DC é normal, já faz parte do dia-a-dia de muitas pessoas porque eles trabalham em uma Organização Internacional.

Muitas pessoas me perguntam como fazer para vir morar nos EUA, como ter sucesso profissional, como arrumar um emprego aqui, como ter um green card, mas infelizmente eu não tenho a resposta para todas as perguntas. Como eu comentei anteriormente, eu acredito que cada pessoa tem o livre arbítrio de traçar o seu  próprio destino e tudo que você vive é consequência das suas decisões. Não existe uma fórmula mágica para ter sucesso, a não ser que você seja da família “Hilton” da vida, mas aí já é outra história.

Com garra, força de vontade e sonho você chega em qualquer lugar e o que parece ser surreal pra você hoje pode ser sua realidade de amanhã. Olha que há dez anos atrás eu estava fazendo minha primeira tattoo e pegando onda na praia do Futuro em Fortaleza e hoje eu ainda continuo fazendo tattoo, rsrsrsrs, o surf virou uma recordação boa do passado, mas tô aqui morando em Washington DC, trabalhando 3 blocos da Casa Branca, falando inglês toda hora e trabalhando com coisas que jamais imaginei. Tudo é possível quando a alma não é pequena =)

Esse lance de vir pra cá e viver ilegal, ou sonho de cinderela de casar e achar o príncipe encantado não é tão fácil quanto parece , para uns dá certo, mas para outros não dá e até você conseguir o green card (se vc conseguir) já passaram pelo menos uns cinco anos da sua vida e aqui nos EUA sem o green card você não arruma emprego qualificado de jeito nenhum. Então eu não sou a pessoa mais apropriada para dá conselho sobre isso, eu não aconselho ninguém a vir pra cá e ficar ilegal. Mas se você  quer crescer profissionalmente, ainda está estudando, ou terminou a faculdade, mestrado, doutorado, ou já tem experiência de trabalho em áreas relevantes (que vai desde economia, direito, assitentencia social, saúde, comunicação, informática, entre outros) e está sonhando em trabalhar numa organização internacional, pode sonhar alto porque existe luz no final do túnel. Vir pra cá por meio de uma organização internacional é uma mão na roda, pois você já vem com o visto especial de trabalho o G4, ou como estagiário, além de ser uma excelente opção de carreira, onde você pode está contribuindo pra fazer o mundo um lugar melhor =)

Segue abaixo alguns passos para aqueles que sonham em seguir nessa área:

# Estude!!!

Essa ladainha que os pais da gente fala quando estamos crescendo: “Se você quiser ser alguém na vida, tem que estudar, terminar a faculdade.” é pura verdade. Eu nunca fui a primeira da classe e nem gostei de estudar horas a fio pra uma prova final, mas eu sempre soube que se eu quizesse ser alguém na vida as baladas não iam me levar adiante, então eu tentei otimizar meu tempo e levar adiante todo o que eu estava fazendo. Muita gente começa uma faculdade e no meio do caminho desiste por um motivo de outro, ou tranca várias vezes, ou se aposenta fazendo aquele curso de geografia que é de 4 anos e já está há 10, quase sendo jubilado pela Universida. Mas lembre-se, um canudo (vulgo:diploma) na mão é melhor do que nada. Esse lance que dizem que trabalhar e estudar é impossível é conversa de gente preguiçosa, porque eu trabalhava 8 horas por dia e fazia 4 a 5 disciplina por semestre e me formei com todo gás depois de quatro anos. Mesmo que você não estude numa Universidade pública, não menospreze seu curso, porque o que vale é você como profissional e sua dedicação ao curso. Eu mesmo não estudei numa Universidade pública.

#Aprenda uma segunda lingua (ou uma terceira, quarta).

O ingles domina o mundo, não adianta negar gente. Se eu e a galera que eu almocei hoje não falassemos ingles não tinha rolado nenhuma comunicação. Vale a pena investir num cursinho e se dedicar de verdade. Assistir filmes em ingles com a legenda em ingles pra se acostumar com as palavras e os sons, ouvir músicas em ingles e tenta ler e acompanhar as letras, traduzir textos, entrar em bate papo com gringos so pra praticar, arrumar namorado gringo… Vale tudo pra aprender!! O Espanhol também é uma lingua super importante e facinho de aprender para nós brasileiros pois é prima do português. Dá até para estudar sozinho, ou fazer um curso intensivo de um mês no chile ou na argentina (porque é do lado). Eu passei 3 meses no Equador ano passado e já me sinto craque no portunhol. Vale  a pena investir em outras linguas também, francês, chines…

#Viaje, tenha experiências.

Peloamordedeus saiam do país, conheçam outras culturas, se abram para novas experiências, não tenham medo. Hoje em dia não precisa ter muito dinheiro pra viajar, uma passagem pra Europa em época de baixa custa R$1600, uma viagem pra um país vizinho na América Latina ás vezes não custa nem isso e no Brasil as pessoas nem sabe onde fica a Bolivia ou Equador ( e esses países são tão bonitos e culturais quanto qualquer outro lugar). Além disso você pode pagar em 12X  as passagens e tem gente que gasta uma grana indo passar as ferias na mesma praia do nordeste todo ano, ou pro Oktoberfest no sul do Brasil (que nem é típico do Brasil). É importante conhecer outras culturas, viajar mesmo que seja sozinho, fazendo um mochilão na Europa, ficando em albergues, ou visitando aquela prima do primo que esta estudando no Paraguai. Isso pode entrar no seu currículo como experiências internacionais, e pode ter certeza, conta muito na hora da entrevista.

#Ir mais além.

Terminou a faculdade, então procura especializações na sua área ou fora dela, faça um mestrado (dentro ou fora do Brasil).  Muita gente faz mestrado nos países vizinho (tipo chile, Uruguai, Argentina) e de quebra ainda ficam fluente no Espanhol e ás vezes morar lá é mais barato do que no Brasil. Não precisa ser um nerd pra conseguir fazer um mestrado e passar mais dois anos estudando não é nada, quando isso pode mudar sua vida inteira e abrir oportunidades.

#Tenha iniciativa

Bem nenhum trabalho ou estágio vai cair do céu. Você tem que correr atrás fia! Um ano antes de se formar, ou logo quando você se formar comece a pesquisar empresas que você tem interesse de trabalhar, entre nos sites, procure a parte de trainee, estágios (internships), oportunidades para jovens profissionais e aplique. Geralmente você vai precisar ter seu currículo traduzido pro ingles, uma ou duas cartas de recomendação do seu ex-professores da universidade (por isso invista na network durante o tempo de escola), talvez uma carta do seu ex-chefe e um essay (redação) sobre você, falando porque você quer trabalhar nessa empresa- organização e porque você se acha qualificado pra exercer essa função (hora de vender seu peixe e se autopromover). Fale de você, da sua vida, seus sonhos e ambições profissionais, fale que aquela viagem pra Espanha que você fez em 2005 foi uma forma de adquirir mais experiência numa cultura diferente e aprimorar seu espanhol (mesmo que você só tenha passado o dia fazendo shopping e ficando com os gringuinhos a noite na balada, rsrsrsrsrs, ninguém vai saber mesmo e no final você aprendeu a falar “Hola Guapo!” não foi?.

Importante!!!
Muitas dessas empresas internacionais os estágios não são pagos e você precisa mudar de cidade ou mesmo de país por o periódo do estágio, mas vale muita a pena o investimento, pois esse estágio pode te abrir portas, pode virar um emprego de verdade, é uma oportunidade de network e um step a mais para sua profissão. Por exemplo eu conheci um grupo de estagiários que veio passar 3 meses na sede da OAS, e entre eles tinha uma brasileira de Curitiba que acabou a Universidade agora no Brasil e aplicou pra vir pra cá por três meses. Ela fez o estágio não remunerado, mas depois de três meses eles ofereceram um emprego para ela aqui. O investimento dela teve um super retorno!

Segue abaixo uma listinha de organizações internacionais onde você pode aplicar pra estágios e trabalhos aí do Brasil e que abrem oportunidades pra pessoas do mundo todo.

Banco Mundial (The World Bank)site americano

Banco Interamericano de Desenvolvimento – BIDSite Brasileiro &   Site Americano

The Organization of American States (OAS)site americano

Organização das Nações Unidas (ONU)site americano &    site com info de estágios

United Nations Development Programmesite em inglês

UNESCOsite americano

UNICEFsite americano

International Monetary Fund – IMFsite americano

International Finance Corporation – IFCsite americano

World Health OrganizationSite americano

World Trade Organization - site americano

Organization for Economic Cooperation and Development – OECD - site americano

Gostou do post? – Deixe um comentário falando de você, dos seus sonhos e ambições. Eu acredito quando a gente fala as coisas alto os anjos ajudam e faz a gente acreditar mais que aquilo vai acontecer. Comigo sempre ajuda!


Gostou? Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

32 Comentários














32 Comentários em “Manual para trabalhar numa organização internacional”

adelia
26/02/2011 ás 12:26

espero que em seu blog vc esteje alerta a criticas e elogios…..e fico contente de ver uma brasileira como eu…..tao esclarecida e despida de alto ego como e carctyeristico de todo brasileiro tem o ego tao inflado que nao consegue ser um minimo humilde. Enfim………primieor elogio. hj seu blog se superou adorei todas as dicas e meu deu um pouquinho de esperanca sobr viver aqui. ainda estou ilegal, sou ilegal e nao tive a mesma sorte pois vivo com um americano(ta sentada?) tem record……complicado. tava ja entrando na depre estou aprendendo o ingles e uma terceira lingua italiando que e onde meu pai nasceu..
Mas foi otimo sua dica mesmo que pra mim nao seje o que Deus quer “to seguindo em frente certo. e fiquei aliviada hj de ler pois na maioria das vezes vc ta tao egocentrica falando de si do seu sucesso do seu mestrado do seu marido do seu do seu do seu…essa e a unica critica .o resto fia ta nice.
beijo
eu pareco ardida mas sou nao…..rsssssss
A.Burghes regards.

[Reply]

Manu ♥ Reply:

Oi Adélia, obrigada pelo comentário no blog. Eu entendo que algumas pessoas aqui nos Estados Unidos vinheram em circunstâncias diferentes de mim e que seguiram outros caminhos.
Esse post é bem direcionada para aqueles que ainda estão no Brasil e tem esse sonho de vir pra cá e não sabem que tem essa oportunidade nas organizações internacionais.
Mas eu também reconheço que muitas pessoas aqui nos Estados Unidos conseguem ter sucesso de uma forma ou de outra, mesmo tendo ficado ilegal por alguns anos, mas o ideal é nunca desistir e correr atrás. Já que você está aqui (independente da situação) busque o seu melhor, aprenda ingles, invista em você, faça cursos, college, porque só você tem a ganhar com isso. Faça contatos, amizades, especialmente com americanos e tente se adaptar essa nova cultura que você resolveu adotar como casa. Beijos e boa sorte!

[Reply]


Emanuella Maria
26/02/2011 ás 21:22

Ah esqueci de dizer que essas organizações Internacionais recebem currículos e aplicações durante o ano todo :)

[Reply]

Manu ♥ Reply:

Tem um estágio na ONU em Brasilia que está com inscrições abertas até Dezembro. Entre os requirimentos, português e inglês fluente, de preferência uma terceira lingua.
http://jobs.undp.org/cj_view_job.cfm?job_id=21205

[Reply]


Mirella
26/02/2011 ás 19:44

Manu.. concordo plenamente com vc, cada um faz sseu destino.
eu vi de perto, e por isso sou tanto sua fa, e acredito em cada palavra q vc diz!
por isso, muito sucesso, daqui de fortaleza, estamos torcendo sempre por vc!
e orando! sempre!
adorei o post mesmo.. e qnd terminar minha faculdade,
nao me vejo estacionada na vida,
mas, quem sabe, morando fora e trabalhando numa multinacional!
um beijao!

[Reply]


Flávia Zelinda Fernandes
26/02/2011 ás 21:05

Amo seu blog!!! Você consegue abranger diferentes assuntos sem cair no comum. Lendo este post (primeira vez que tenho coragem de comentar) me vi um pouco nele, sou de familia de classe média pra baixo e procurei aproveitar muito as oportunidades que apareceram na minha vida, quando chegou nem pensei meia vez fui conhecer o Brasil e depois comecei a viajar para o exterior Jesus como é bom abranger a mente e ver que realmente os sonhos se realizam se você acredita, trabalha e corre muito atras. Post como esse só me fazem querer estudar mais, conhecer mais e nunca, nunca desistir!!!! Obrigada por compartilhar!!!!

[Reply]

Manu ♥ Reply:

Oi Flávia, que bacana que você gosta de viajar! Acho que não existe sensação melhor do que conhecer um lugar novo, novos cheiros, sabores, vê pessoas diferentes e se admirar com esse novo.
Fico feliz que você gosta do blog e curtiu o post!
beijos e obrigada pelo comentário

[Reply]


Moani
27/02/2011 ás 12:36

Ameeeei esse post, me deu mais forças para fazer as minhas escolhas e sem falar que tirou muuuitas das minhas dúvidas. Estou planejando a minha viagem daqui a 2 anos pro Canadá, mas se surgir opotunidades em outros né, mas meu sonho é quem sabe uma dia residir no Canadá (Mother, I’m coming home…rsrsrsr!!!). E realmente, não tem coisa melhor do que você viajar, conhecer outras culturas, pessoas e se adequar as necessidades de cada país, deve se uma experiência única.
Adorei teu blog, é um dos poucos que eu consigo ler sem me cansar é direto no assunto e é tudo muito explicadinho facilita a leitora aqui =) e quando tenho tempo sempre venho dar uma espiadinha aqui.

Bjos linda!!!

[Reply]


Carine Rodrigues
27/02/2011 ás 12:49

Oi Manu!!!!! Adoro seus posts falando da vida como é aí…. Eu moro no Brasil, mas sou doida pra conhecer lugares e trabalhar no exterior… É muito importante pra gente que tá aqui ter informações de pessoas que já tiveram a experiência aí. Gosto também quando vc fala do mestrado… também estou acabando o meu. Só falta melhorar no inglês… Abraço!

[Reply]


Mariana
27/02/2011 ás 13:41

Eu estou fazendo direito e com certeza quando terminar a faculdade quero me especializar na area apesar de nao ser exatamente o que eu amo. Vejo muita gente nova por ai já encaminhada e acho isso lindo!!! Os tempos são outros e o que vemos são muitas oportunidades, é só voce procurar estudar muito que voce se destaca, seja em qq profissão. Amei o post!!

ps: tava olhando um post teu antigo sobre a studio tech e a studio fix e tenho a fix mas quero a tech, mas sempre fico em duvida c minha cor e aqui em Recife/PE onde moro nao tem lojas da MAC, então ficos em saber minha cor. a Fix é a minha certinha mas queria saber de ti se a tech é mais clara que a fix ou se tu usa as duas na mesma cor?? porque tava olhando em alguns blogs que dizem que a tech é um pouco mais clara, outros dizem que não é, é balela. Enfim, terminando o comentário longo, como tu tens as duas queria saber a tua opiniao. Beijossss

[Reply]

Manu ♥ Reply:

OI Mariana, eu dei uma olhada aqui e o meu studio Tech é mais claro que meu studio FiX, mas praticamente é a mesma tonalidade. Na verdade quem me ajudou a escolher foi a própria maquiadora da MAC, os dois ficam ótimos no meu tom de pele. Meu Studio FIX é NC40 e o TECH NC37.

[Reply]

Mariana Reply:

Manu, agradeço bastante. Beijãão

[Reply]


Ozaila
27/02/2011 ás 15:50

Manu,

mais uma vez aprovo sua iniciativa. Belíssimo post, despretensioso e muito didático. Sua forma de escrever encontra o leitor em qualquer lugar, e em qualquer condição intelectual. Parabéns!!!

[Reply]


Danubia Moro
27/02/2011 ás 21:47

que legal, nunca pensei em fazer um estagio “la fora”, mas lendo suas dicas vejo que me enquadro legal… adoro a area ambiental, e estou correndo atras… alem de estar aprendendo a terceira lingua.
Beijos

[Reply]


Gabriela de Oliveira
28/02/2011 ás 07:43

Acho um máximo esse negócio de conhecer outros lugares, viajar, falar inglês, espanhol!! Aii é o meu sonho morar nos EUA, mas fica meio difícil. Enfim, essa matéria me ajudou a ver que nada é impossível, e a partir de hoje vou começar a correr “mais” atrás dos meus sonhos!

[Reply]


Mônica Talita Biffi
28/02/2011 ás 09:15

Manu,
Adorei o post. Sempre leio TODOS !!! E alguns eu comento.
Eu tenho sonho de viajar pro exterior, eu nunca fui. Mas eu sei que vou, o desejo é muito forte. Gostaria muito de poder morar nos EUA por uns 02 anos, eu falo 02 anos e depois voltar, mas pode ser que eu me apaixone. O detalhe é que não conseguiria ficar longe da minha familia. Eu ja moro a 600 km dos meus pais, e se fosse morar de vez fora, eu acho que não aguento. Mas passar um tempo, CONCERTEZA.
Eu já fiz variossss curso de ingles, mas nunca fiz um completo. Mas meu objetivo e voltar a fazer ingles e me organizar p/ viajar ocm meu marido p/ EUA. só não sei qual cidade visito primeiro. Alguma dica ?

Eu sou curiosa, adoro conhecer gte diferente, culturas, comidas, lugares. E acho isso muito importante na vida de qqer pessoa. A gte cresce e vê que o mundo é muito vasto.
Deus te abençõe sempre em tudo o que vc sonhar !!!!

Bjus

[Reply]


Camila Capeloci
28/02/2011 ás 13:35

Manuu… voltei ao mundo blogal LOL..parabens pelo blog… esta cada dia melhor. beijos
Camila Capeloci

[Reply]


Del
28/02/2011 ás 13:58

Joia rara! Direto pros meus favoritos. Obrigadíssima!

[Reply]


Flávia
01/03/2011 ás 13:05

Manu, fiquei sonhando alto com esse post, vou terminar minha facul de Direito no próximo ano e ainda não sei exatamente o que quero fazer, mas de uma coisa eu sei, quero viajar e melhorar meu currículo, aprender inglês ou outra língua, tenho muita vontade mesmo, as vezes parece impossível =/ Mas vou colocar isso como meta para o meu futuro. Adoooro o seu blog, tá nos meus favoritos ;) Beijooos

[Reply]


Camila F.
01/03/2011 ás 14:31

Manu, belo post! Orgulho do seu sucesso por aí, viu?

Beijo! ♥

[Reply]

Manu ♥ Reply:

Ahh Camila, obrigada! Adoro seu blog também!! Super inspirador

[Reply]


camila
03/03/2011 ás 12:05

achei super legal esse seu post manu, como sempre o blog surpreende na qualidade, nao caindo na futilidade. alias sua escrita em portugues está excelente, conheço pessoas que se complicam muito ao aprender uma segunda lingua. morei em portland (oregon, nao maine) por 3 meses, a ideia inicial era ser au pair, mas as coisas não deram certo, entao pra quem sai do pais é legal planejar muito bem, e também planejar caso algo dê errado, pra onde correr, como $$, quando…

[Reply]


celimmatos@yahoo.com.br
05/03/2011 ás 16:23

Voce disse que trabalha a 3 blocos da “Casa Blanca”? O que é iss0?

[Reply]

Manu ♥ Reply:

Casa Blanca = casa branca = white house

[Reply]


Rubia Zenatelli
09/03/2011 ás 20:13

Gostei demás do Blog….uma linguagem simples e direta, para pessoas que sonham e são determinadas, assim como eu!
Parabéns e continue a nos presentear com informações ricas e inteligentes!!!

Bacios,
Besa,
Kisses….;*

[Reply]


Sarah Lee
26/04/2011 ás 17:15

Descupe pelo palavriado mais É UM PUTA DE UM POST BACANA!
Vc falou e disse, eu não tenho condições no momento de pagar um curso de idiomas, mas já faz um ano que aprendo Francês por conta propria e j’aimeeeee!
Super!

[Reply]


Julia Chagas
08/05/2011 ás 21:11

Seu post traduz tudo o que eu estava procurando. Um depoimento de quem passou por essa busca e o que é necessário para consegui-lo. Tenho um grande sonho de trabalhar em uma organização internacional. Estou me aplicando para um estágio empresarial no Leste Europeu no ano que vem, estudando idiomas desde que me conheço por gente, e quero daqui a 2 anos ingressar em uma Organização. Muito Obrigada por compratilhar seu conhecimento.

[Reply]


Zilah
04/04/2012 ás 15:02

Manu, Sua história de vida e suas dicas são super bacanas! Uma super inspiração para quem ainda vive em terras tupiniquins e sonha com novos ares :)

No meu caso, pra tudo ainda tem um fator que me prende por aqui: Fui mãe aos 15 anos e abrir mão de cuidar de perto da minha filha sempre esteve fora de cogitação. Ainda me falta coragem de deixar tudo pra trás e partir de mala e cuia (leia se com a filha junto) pra uma vida no exterior mas, a vontade tem crescido a cada dia.

Quem sabe um dia, né?

Beijos!

[Reply]


Tertuliano Rodrigues
18/05/2012 ás 18:02

Legal esse post. mesmo sabendo que ele é antigo vou postar aqui meu comentário. Bem eu terminei o meu curso no Brasil, e estava pensando justamente como a Manu diz aí no texto acima. Então o que fiz foi me inscrever em um master aqui na Espanha, fui aceito e aqui estou, terminei agora o primeiro ano do Master, a parte presencial, e agora vou de férias para o Brasil, e vou é claro levando meu currículo bem feito, com todas as experiências e cursos que eu fiz aqui. E como não tenho tanta pressa para concluir o master agora quero uma experiência de 6 meses em um país de lingua Inglesa, que já me servirão como prática para eu terminar o master. Saí do Brasil na aventura, moro aqui em programa para estudante viver com pessoas idosas, sobrevivo com o mínimo em alimentação, 0% de balada ou qualquer coisa assim, mas aprendi o idioma, conheci bastante a cultura espanhola e europeia em geral, e agora tou até fazendo umas viagens tipo Barcelona e tal. Nòs Brasileiros temos que sonhar mais alto, é possível chegar em muitos lugares, mas é preciso mover o traseiro do lugar.

[Reply]


Guilherme Larsen
08/01/2013 ás 18:06

Oi, Manu…gostaria do seu email para trocar umas ideias sobre emprego em organismo internacional! O meu é guilhermeklarsen@yahoo.com.br. Sou jornalista também, e meu grande sonho sempre foi trabalhar em um agência internacional e afins…! obrigado…abraço!

[Reply]


Náthaly
13/03/2014 ás 16:21

Oi, Manu! Adorei seu post e queria trocar umas idéias com você sobre a minha situação. Fiz Direito, e agora tô fazendo pós em Política Internacional, mas tô meio perdida…. me passa seu email ou te passo o meu depois! OBRIGADÃO! =)

[Reply]


Marta Ribeiro
20/06/2014 ás 19:38

Muito bom, faz a gente pensarrr !

[Reply]