Sou Emanuella Maria (Manu), uma romântica inconsolável que adora coisas vintage e viajar. Há 7 anos moro na capital americana, Washington DC e neste espaço divido um pouco da vida no estrangeiro e o que me inspira no dia-a-dia. Falo das coisas que faço, do que gosto e o que me faz feliz.

Buscar no blog











Arquivo da seção: entrevista

20.01.2011

A

b
Eu conheci o blog Depois dos Quinze da Bruna assim por acaso, mas o que me chamou mais atenção foram as imagens. A Bruna que só tem 16 anos tem uma sensibilidade imensa e todas as fotos que ela tira são únicas e dá para ficar horas olhando. É bem como a  revista Info comentou em uma entrevista com a Bruna,  “ela é ainda uma adolescente, mas faz trabalho de gente grande”; pois o blog dela tem em média 12 mil visitantes únicos por dia (cof cof cof).
Além de fotografia, o blog tem um lado mais introspectivo onde ela fala de sentimentos, de emoções, mas também há espaço para dicas de moda, make, compras, look do dia e todas as coisas que a gente gosta.
A Bruna virou minha amiguinha de internet e até recentemente a ajudei com umas comprinhas aqui nos states. Ela é um amor, super simpática, diferente de muita blogueira famosa que tem por ai. A prova é tanta que ela ganhou recentemente o Desafio We Love Shoes pela Lia Line e a sortuda ganhou nada menos do que uma viagem maravilhosa para Paris. Super merecido!!!
,
Bruna como você descreve seu estilo?
Nunca sei como responder essa pergunta. Acho que de alguma forma, acordo diferente todos dias. Querendo coisas diferentes, sentindo coisas diferentes, e claro, vestindo coisas diferentes.  Não sou de seguir tendências, uso o que eu gosto e pronto.

O que inspira você no dia-a-dia?
Encontro inspiração em tudo que eu amo: Internet, música, pessoas… Gosto de pegar um pouquinho de casa coisa e levar para o meu mundo do meu jeito. Digo isso no geral, para moda, música e todas as outras coisas.

Quem são seus ícones de estilo?
Katy Perry, Lily Allen, Zooey Deschanel… Essas mulheres que gostam de brincar de ser meninas!

Como é sua rotina? Conta pra gente como é o seu dia-a-dia.

Eu acordo mega cedo, vou para o Cefet umas 6:30 (faço curso técnico de informática industrial integrado com o médio), volto correndo para casa na hora do almoço e volto pra lá 13:00. Por volta das 18:00 volto pra casa e fico no computador até quase na hora de dormir. Eu trabalho escrevendo no site de duas empresas. Além disso, tenho que manter meu blog né? Nada de msn e afins. hahaha

Qual seu favorito ítem no guarda-roupa?
Ahhh, pode ser dois? Ankle boot e Meia calça.

Em que cidade gostaria de viver?
No Brasil São Paulo, no mundo NY!

Como surgiu a idéia de começar um blog?
Bom, eu criei o blog para desabafar. No começo eu escrevia apenas sobre sentimentos, depois de um certo tempo, mudei o foco e comecei  falar sobre moda, make, música… enfim, tudo.


Como você descreve seu blog?
Acho que o Depois Dos Quinze é o porto seguro das meninas. Lá elas encontram tudo que precisam: Música, make, moda, comportamento, fotografia… Tudo abordado de uma maneira diferente, afinal, quem escreve tb é adolescente.

Blog que mais visita.
Ahhhhh. Gosto muito do www.justia.com.br! :D

Livro
Fora de mim – Martha Medeiros

Revista
Marie Claire

Filme
Ps eu te amo.

Esmalte
Não sou muito ligada em esmalte… AMO preto! To sempre com a unha nessa cor!

Comida preferida:
Batata palha (sim, batata palha) hahahaahhaha



Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

6 Comentários

Categorias: entrevista | Tags:



 
Veja também:








 

05.01.2011

foto: Amanda Pereira

Entre as novidades do blog esse ano está a tag “Perfil”, onde duas vezes por mês vou fazer uma pequena entrevista a uma blogueira querida. Tem tanta gente especial por aí e tantos blogs legais para se conhecer, nada melhor do que repartir aqui com vocês.

Resolvi começar com a  Clara Dourado que está na leva de meninas que adorei conhecer por causa do blog. Acho que começamos a trocar twitter e assim foi iniciando. Apesar da gente ainda não se conhecer pessoalmente, ela é  conterrânea de Fortaleza (minha cidade natal), trabalha com jornalismo de moda, styling e webjornalismo. Até parece que a Clara é ligada há 220v pois também é coordenadora e editora do Núcleo de Mídias Sociais da Web&Mídia, criadora do ótimo blog The Nerd Fashionist e administra mais outros QUATRO blogs, o Lugage, o Estilo Cholet, Cardigan Jeans e o moda.com. Ufa!!!

Então com vocês, essa moça querida, que é super interessante!

Como você descreve seu estilo?
Vario bastante, pois no dia-a-dia preciso de um visual mais formal e minimalista (por conta do trabalho). Gosto de peças com shape clássico mixadas com achados vintage e referências rocker, lúdicas e um toque de futurismo-retrô. Adoro usar peças masculinas com itens ultra-femininos. Também gosto de usar coisas diferentes, que a maioria das pessoas não usaria e de customizar peças. Vario bastante em relação à maquiagem e vivo mudando o corte e a cor dos cabelos. Em relação a calçados, gosto de Oxfors, All Star e saltos altíssimos.

O que inspira você no dia-a-dia?
Minhas inspirações vêm de tudo. Natureza, filme, música e arte são as coisas que mais me inspiram.

Quem são seus ícones de estilo?
Audrey Hepburn e Kate Lanphear.

Qual seu favorito ítem no guarda-roupa?
Meus achados de brechó, sem dúvida! Tenho um short-saia de cintura alta preto e um blazer pied-de-coq, ambos do Brechó Reinvenção, que eu sou apaixonada.

fotos: Daniel Aragão & Ronaldo Freitas

Corte de cabelo:
Estou amando meu corte atual, o “pixie”, bem anos 60. O meu foi inspirado na Mia Farrow no filme “O bebê de Rosemary”, de 1968.

Em que cidade gostaria de viver:
Adoro Fortaleza, mas amo viajar e conhecer novas culturas, histórias e tradições. Apesar de ser apaixonada por natureza, gosto do ambiente urbano e bem cosmopolita. Também penso muito na questão profissional e nas oportunidades de estudos e crescimento pessoal/profissional que poderia ter em outros locais. Por conta disso, adoraria morar em Tóquio, Nova York, Paris ou São Paulo.

Livro:
Eco chic: O guia de moda ética para consumidora consciente – Este é um assunto que gosto e pesquiso bastante, tanto que foi tema da minha monografia. Este livro é uma ótima introdução ao tema, bem acessível para o público geral. A autora, Matilda Lee, escreve sobre as principais questões ambientais na produção de moda atual. Apesar de não se aprofundar tanto em alguns pontos, ela apresenta estatísticas e depoimentos variados que ilustram as questões abordadas. Para quem deseja pesquisar sobre moda sustentável, esse é o primeiro passo.

Revista:
Sou um pouco viciada em revistas, confesso, e adoraria que todas as publicações já estivessem disponíveis para download no iPad. Enquanto isso ainda não é totalmente possível, faço downloads das que estão disponíveis como Elle Brasil, Interview e algumas HQs. Minha favorita no Brasil é a Bravo! e, de fora, a Vogue Itália.

foto: Nath Campos & Ronaldo Freitas

Filmes:
Sonhos, Akira Kurosawa; Dancer in the dark, Lars Von Trier; Oceanos, Jacques Perrin, Jacques Cluzaud.

Esmalte:
Gosto de unhas diferenciadas, mas nada muito “poluído”, cheio de desenhos e com penduricalhos (acho uó). Para o dia-a-dia gosto de tons pastel e cores escuras neutras, como preto, berinjela e azul-marinho. Para a noite, esmaltes com glitter (amo).

Restaurante Preferido:
Na última vez que fui à Jericoacoara estive num restaurante vegetariano inspirado pela culinária indiana que me apaixonei. Não lembro o nome, mas quase todos os dias eu desejo a comida de lá! (Rss) Outro que também amei a comida foi o Natural Bistrô, em Canoa Quebrada, também vegetariano. É uma pena que em Fortaleza não existam opções como estas.

Blog que mais visita:
Iiih, são tantos! Mas amo as fotografias dos blogs Jak and Jil e The Selby.

foto: Caio Ferreira

Como você descreve seu blog?
Um espaço onde publico minhas opiniões e notícias sobre moda e segmentos relacionados, como arte e cultura. Também falo de temas que gosto como ecologia e tecnologia. Além de compartilhar meus pensamentos lá também uso o blog como um “serviço público”, pois estou sempre postando sobre eventos, palestras e cursos que podem interessar aos leitores e dou dicas de moda e styling. Por conta disso criei o Polyvore do TNF, onde respondo visual e textualmente as dúvidas dos leitores.


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

6 Comentários

Categorias: entrevista | Tags:



 
Veja também:








 

24.03.2010
A minha favorita artista du jour? Camila Gray - natural de São Paulo, fashion ilustradora, designer, e pro com a lápis. Ela chamou minha atenção com o seu trabalho super original e abilidade nos desenhos. Olha que legal!!
A Camila tirou um minuto para falar dos seus ícones de estilos e inspiração com o Ambiente Vistoriado.

Ambiente Vistoriado – Quanto tempo que você vem fazendo ilustração? Já é considerado um trabalho ou ainda é um hobby?

Camila Gray - Desenhava bastante quando era criança, e relativamente bem para a idade (cheguei a ganhar uns concursinhos) e parei. A uns 2 anos resolvi retomar e tomei gosto pelo negócio! Por enquanto é um hobby que já está tomando forma de negócio, está na fase de transformação. Mas de certa maneira sempre será um hobby, pois continuaria a fazer mesmo que não desse dinheiro.

AMVI - Descreva um dia normal pra você.

CG – Bem rotineiro aliás (mas quero mudar isso hahaha). Acordo e vou trabalhar. Trabalho como designer em uma revista em São Paulo e quando chego a noite em casa faço malabarismo para tentar fazer tudo que gosto e preciso: banho, unha (mudo muito a cor), desenhar, aquarela, fazer trabalhos de design, arrumar meu quarto, banho, jantar, assistir meus filmes ou seriados isso quando não tem que fazer supermercado.

AMVI - Onde você tira inspiração?

CG - Principalmente na moda. Devoro revistas, sites e blogs sobre o assunto. Gosto de desenhas pessoas com estilo e personalidade. Cultura pop, filmes e musica também me inspiram.

AMVI – Quem são seus ícones de estilo?

CG – Erin Wasson, Kate Moss, Anita Pallemberg, As Olsen, David Bowie (antigamente), Bette Davis (pela atitude)

AMVI –  Qual a dica que você dá para aqueles que estão querendo começar a fazer ilustrações?

CG – Acho que não varia muito né: treinar muito! Mas uma coisa que me ajudou foi a internet. Exiba seus trabalhos, entre em redes sociais e faça amizade com outros ilustradores, conheça seu público e mande seus trabalhos para empresas e pessoas na área, faça um blog etc. Ou seja, esteja disponível, ninguém vai te achar dentro de casa. Mas tenha noção do limite para não ser chato.


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

9 Comentários

Categorias: entrevista |



 
Veja também:








 

16.08.2009

LUXLUXO

Com a internet o mundo ficou pequeno e as conexões e amizades podem transceder qualquer barreira. Conheci o Luciano, ou melhor Luxluxo, por conta do fotolog e desde a primeira vez que eu o vi amei o seu estilo original e sua personalidade. Resolvi pedir umas fotos a ele para compartilhar um pouco com vocês.

125-ensaio

O Luxluxo ou simplesmente Lux é natural de Goiás e é formado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Católica de Goiás. Mas pouco tempo depois de formado resolveu mudar de vida porque achava Goiânia tediante, assim como a profissão de arquiteto (eu entendo perfeitamente esse sentimento). Bem, ele foi parar em Londres com o intuito de aprender inglês e acabou descobrindo que a vida dele era lá. Hoje ele é casado, trabalha como assitente da Ghost, na loja de departamento House of Fraser (tá meu bem!)  e já mora em Londres há mais de 5 anos. Abalou!!!

120-ensaio

Apaixonado pelas artes, moda e fotografia, desde muito pequeno gosta de desenhar modelos e figurinos que copiava da revista Maniquim de sua mãe. Com uma veia forte para o estilo retro ele adora frequentar os brechós da cidade, compondo os seus looks com peças originais que ele mesmo modifica e cria.

paulo

Ele adora pôr o “make-up on” e “dress-up” para as festas descoladas de Londres e entre suas paixões está a  música que  ele adora brincar de dj com seus cd mixers em casa.

122-ensaio

Entre seus estilos favoritos, ele gosta de bandas do período new romantic, assim como synthpop, new wave e muita coisa brasileira, desde Gal Costa, Gang 90 & as Absurdettes.

paulu119-ensaio126-ensaio123-ensaio124-ensaiosignature1


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

7 Comentários

Categorias: entrevista |



 
Veja também:








 

06.08.2009

Quando falamos das pessoas por trás da moda a primeira coisa que vem a cabeça são os estilistas, aqueles que criam os modelos, os figurinos.

Mas existem profissionais importantes e que dão a cara dos modelos,  são os profissionais que criam as estampas. Eu acredito que o melhor do criador é ver a sua criação tomar forma, vida, ou melhor, ir para as ruas. E para quem está no mundo da moda esse reconhecimento é uma conquista e para Vanessa Sousa essa conquista veio cedo.

A Design Vanessa Sousa

Vanessa Sousa

Natural de São Paulo e cearense por opção. Vanessa, nos seus 28 anos é uma das mais reconhecidas e talentosas designer gráfico do Nordeste.  Suas estampas são vistas em duas marcas famosas em Fortaleza D’metal e Chica fulô. Mas a profissional vai longe, ela escreve um blog sobre estampas e  suas criações já foram publicadas na Europa em uma revista de publicação anual chamada Texitura especializada em print design.
O sonho de muitos profissionais da moda é chegar aonde essa designer chegou e por isso não poderíamos deixar de conhecer um pouco mais do seu trabalho. Confira uma entrevista informal, onde Vanessa dá dicas para os futuros profissionais da área.

Ambiente Vistoriado- Como você se tornou designer de estampas?
Vanessa Sousa – Foi meio por acaso, quando comecei a cursar a faculdade de Design logo no primeiro semestre descobri que queria trabalhar na área, e nesta busca acabei conhecendo Mariangela Bindi que para mim é uma referência em moda, design e claro, estampas! Então comecei a trabalhar para ela na sua estamparia, nesse período aprendi muita coisa, e logo despertou em mim essa paixão por estampas e é claro por moda.

bolao28

AV – Há quanto tempo você trabalha no ramo de design?
VS – O design sempre foi minha paixão e já dava as primeiras rabiscadas mesmo antes de começar a estudar. Acredito que por aí já vão uns sete anos.

AV – Você faz estudos sobre as tendências para criar as estampas ou leva mais em conta a sua inspiração pessoal?
VS – Com certeza faço estudos e planejamentos, por que a inspiração é claro muitíssimo importante, uma boa organização das idéias é fundamental.  E como eu trabalho com moda em uma fabrica, trabalho com metas, datas e em cima de tendências.  No entanto me preocupo sempre em não perder a criatividade e busco originalidade em tudo que faço. Isso para um designer é fundamental.

bolao32

AV – Os seus clientes dizem qual o estilo de estampa que precisam previamente ou você cria livremente?
VS- Aqui na fabrica antes de começar uma coleção eu faço uma pesquisa de tendências de rua, tendências de passarela e do que as pessoas estão querendo usar, ou seja, o que é comercial,  e junto a isso eu desenvolvo o que eu chamo de “tema” que vai me guiar durante todo o desenvolvimento da coleção  para que a mesma tenha uma “cara”, uma personalidade que a diferencie das outras.

AV – Quais os materiais básicos que você utiliza em seu trabalho?
VS – Lápis e papel sempre, o computador usando o illustrator, photoshop, imagens da internet e também o scanner.

bolao7

AV – O que você pensa sobre o mercado brasileiro de confecção de estampas?
VS – Acho que o perfil do brasileiro com a sua alegria adoram andar colorido. Por isso acredito que as estampas nunca vão cair de moda, porém aqui ainda se tem o mau hábito de copiar o que se vê lá fora. No entanto, acredito que isso esteja em queda, pois a originalidade está cada dia em alta e para conquistar um lugar no mercado você não pode ser apenas mais um na multidão.

AV – Qual a dica que você dá para aqueles que estão querendo começar na área de estampas?
VS – Bom, eu diria para irem treinando o olhar, não deixar nada passar despercebido.  Olhe, analise, critique, seja seu crítico e tente. Sente na frente de um computador ou pegue seu lápis, papel e tente. As técnicas são fáceis de aprender, saber mexer num programa gráfico também, agora o seu olhar deve ser treinado.  Análise suas roupas as estampas delas, a sua casa, tudo ao seu redor, pois não são apenas as roupas que possuem prints, eles estão também nos papeis de presentes, papeis de parede, toalhas, bolsas. Estão por todos os lados…. Veja!

pied-de-poule1a

Conheça mais o trabalho da Vanessa Sousa no blog Estampa Minha

Matéria feita por mim e também divulgada no site www.NoStilo.com.br

signature1


Compartilhe:

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

1 Comentário

Categorias: entrevista | Tags:



 
Veja também: